Polícia investiga supostos casos de agressão em creche de Apiúna - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

 

Investigação04/04/2018 | 15h22Atualizada em 04/04/2018 | 15h30

Polícia investiga supostos casos de agressão em creche de Apiúna

Responsável pela delegacia da cidade planeja ouvir envolvidos e testemunhas nos próximos dias

A Polícia Civil está investigando casos de agressão em uma creche municipal de Apiúna. Uma professora auxiliar foi afastada, suspeita de agredir cerca de dez crianças que frequentam a unidade. Segundo o conselho tutelar do município, imagens das câmeras de segurança mostrariam que a mulher estaria arrastando e empurrando os alunos, que têm entre três e quatro anos de idade.

Os pais registraram boletim de ocorrência e pedem que a diretora da unidade escolar também seja afastada. De acordo com eles, ela teria omitido a agressão. A prefeitura informou à reportagem que abriu processo administrativo para investigar o caso. Por enquanto a diretora permanece no cargo.

O agente George Eduardo Samagaia, responsável pela delegacia de polícia de Apiúna, informou que está acompanhando o caso e planeja ouvir envolvidos e testemunhas nos próximos dias. A expectativa dele é que o inquérito seja concluído dentro de 60 dias.

(Com informações de Marina Dalcastagne, da NSC TV)

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaApós tempestade, mais de 30 mil imóveis ficam sem luz no Vale do Itajaí https://t.co/ttlPe8PqTIhá 6 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaVítima de ataque em igreja de Campinas era de Porto União https://t.co/ule1hPSs6thá 6 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca