Servidores públicos de Blumenau aprovam pauta de reivindicações - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

 

Campanha salarial12/04/2018 | 18h05

Servidores públicos de Blumenau aprovam pauta de reivindicações

Documento deve ser protocolado na prefeitura nesta sexta-feira

  

 Blumenau - SC - Brasil - 12042018 - Assembléia dos servidores municipais em frente a prefeitura de Blumenau.
Foto: Patrick Rodrigues / Jornal de Santa Catarina

Em cerca de 30 minutos as 24 reivindicações foram lidas, explicadas e aprovadas por unanimidade. Assim foi a primeira assembleia da campanha salarial dos servidores públicos municipais de Blumenau, na Praça Victor Konder. Na pauta, pedidos antigos da categoria, como hora atividade integral aos profissionais do magistério e antecipação do cronograma de aplicação dos reenquadramentos previstos no plano de carreira da saúde.

Sérgio Maurici Bernardo, coordenador geral do Sindicato Único dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Blumenau (Sintraseb), outra reivindicação importante é o cumprimento de um acordo de fim de greve de 2014. Segundo ele, na época, ficou acordado o ranqueamento de todos os servidores, iniciando pelos com os menores salários, o que começou a ser feito, mas depois foi interrompido. 

- Nós estamos dizendo que tem dinheiro, porque a avaliação do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Diesse) aponta que para gastar com a folha o governo tem uma margem de 9,57% para atingir o limite prudencial – afirma Bernardo ao explicar que a prefeitura teria interrompido a medida por falta de recursos.

A única novidade na pauta é o plano de carreira para os trabalhadores do Instituto Municipal de Seguridade Social do Servidor de Blumenau (Issblu). O coordenador do sindicato defende que é preciso iniciar o debate das reivindicações para ver o impacto que elas terão nos cofres públicos. O que, de acordo com ele, nunca foi apresentado pela administração municipal, mesmo sendo questões de pautas anteriores. 

Próximos passos
Depois da entrega oficial do documento ao prefeito, o sindicato aguardará uma posição da prefeitura. Posteriormente, uma nova rodada de negociações com os representantes dos servidores por local de trabalho será realizada e dela sairão os encaminhamentos para uma nova assembleia.

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaDuas pessoas morrem em acidente na BR-470, em Ilhota https://t.co/DzntbjJaXo #LeiaNoSantahá 10 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaDois homens são presos após roubo a lotérica no Centro de Gaspar https://t.co/4xM5W69r7C #LeiaNoSantahá 11 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca