MP pede arquivamento do caso de aluna que teria sido assediada por professores em Blumenau - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

 

Investigação03/05/2018 | 12h45Atualizada em 03/05/2018 | 12h45

MP pede arquivamento do caso de aluna que teria sido assediada por professores em Blumenau

Segundo o Ministério Público, a garota não teria sido constrangida e foi à casa dos professores por vontade própria

Jornal de Santa Catarina
Jornal de Santa Catarina

 O Ministério Público pediu o arquivamento do caso da aluna que teria sofrido assédio sexual de professores em uma escola estadual de Blumenau. Martinho Bloemer, 54 anos, e Valdecir Rautenberg, 47, foram indiciados como suspeitos de terem relações com uma adolescente de 16 anos.

Segundo o MP, a garota não teria sido constrangida. Ela teria recebido convites e ido à casa dos professores por vontade própria, na avaliação do MP.

Não teria havido coação e nenhuma relação empregatícia entre os professores e a aluna, uma das condições, de acordo com as promotoras responsáveis pelo caso, para configurar o crime.

Leia mais
Polícia indicia professores de escola pública de Blumenau por assédio sexual

A partir de agora cabe aos juízes decidirem se arquivam os inquéritos, que foram encaminhados pela polícia à Justiça no dia 19 de abril. Caso discordem das promotoras, os magistrados podem encaminhar a documentação ao procurador geral, solicitando uma segunda análise dos depoimentos.

Independentemente disso, os dois professores poderão responder por ato de improbidade ou falta funcional. A punição nesses casos pode ser uma advertência, uma suspensão ou até a demissão, já que é dever do servidor público ter um padrão de comportamento adequado e ético.

No dia 6 de abril os dois professores foram afastados da escola por 60 dias pela Secretaria de Estado de Educação, e uma sindicância foi aberta para apurar os fatos. No dia 13 de abril, a Secretaria Municipal de Educação afastou um dos professores que também lecionava na rede municipal até que a investigação na esfera estadual seja concluída.

*Com informações de Eduardo Cristófoli, da NSC TV Blumenau

CONTRAPONTOS 

Martinho Bloemer
A reportagem entrou em contato com Bloemer pelo celular por três oportunidades nesta quinta-feira, às 10h30min, às 11h e às 11h45min, mas ele não atendeu e nem retornou às ligações.

Valdecir Rautenberg
A reportagem entrou em contato com Rautenberg pelo celular por três oportunidades nesta quinta-feira, às 10h30min, às 11h e às 11h45min. Ele retornou uma das ligações, mas ao saber que tratava-se da NSC Comunicação não quis se manifestar.

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaResidências são alvo de furtos em Blumenau https://t.co/PbSOksWPV3 #LeiaNoSantahá 5 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaPolícia Civil vai investigar caso de agressão contra criança na Água Verde em Blumenau https://t.co/D2KIIIMaGU #LeiaNoSantahá 13 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca