Após o fim da campanha, rede pública segue vacinando contra a gripe em Blumenau - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

 

Influenza11/06/2018 | 21h09Atualizada em 11/06/2018 | 21h09

Após o fim da campanha, rede pública segue vacinando contra a gripe em Blumenau

Vacinação gratuita foi ampliada para crianças de cinco a nove anos e adultos de 50 a 59 anos 

Após o fim da campanha, rede pública segue vacinando contra a gripe em Blumenau Cristiano Estrela/Diário Catarinense
Foto: Cristiano Estrela / Diário Catarinense

A campanha nacional de vacinação contra a gripe terminou na semana passada em Blumenau com  88.958 pessoas dos grupos de risco imunizadas. Com o resultado abaixo da meta (83,4% do previsto), sobraram vacinas na rede pública e os Ambulatórios Gerais e postinhos de saúde da cidade seguem vacinando gratuitamente.

Além das pessoas que são dos grupos de risco que já tinham o direito da vacina, agora a rede pública ampliou a imunização para crianças de cinco a nove anos e adultos de 50 a 59 anos . A medida segue uma orientação da  Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive) do Governo do Estado. 

Conforme o balanço do município, até o momento as gestantes são as que menos se vacinaram: apenas 64,1%. Trabalhadores da saúde (64,2%) e crianças (72,5%) também preocupam a secretaria de Saúde.  Até o momento, 14 casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) gerados pelo vírus influenza foram registrados em Blumenau.

 Quem pode se vacinar gratuitamente contra a gripe na rede pública:
- adultos com mais de 50 anos;
- crianças maiores de seis meses a nove anos;
- gestantes;
- puérperas (até 45 dias após o parto);
- trabalhadores da saúde;
- professores das redes pública e privada;
- povos indígenas;
- portadores de doenças crônicas e outras condições clínicas especiais. 

 
Jornal de Santa Catarina
Busca