Festival de Teatro Universitário de Blumenau começa nesta quinta-feira  - Geral - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

 

Cultura11/07/2018 | 18h43Atualizada em 12/07/2018 | 08h30

Festival de Teatro Universitário de Blumenau começa nesta quinta-feira 

Fitub chega à 31ª edição com mais intercâmbio com outras áreas culturais e ações em escolas

Festival de Teatro Universitário de Blumenau começa nesta quinta-feira  Patrick Rodrigues/Jornal de Santa Catarina
Coordenador do festival, Fábio Hostert (em pé, à direita), com integrantes da organização e do Grupo Teatro de Gomorra Foto: Patrick Rodrigues / Jornal de Santa Catarina

Blumenau volta a ser a capital do teatro universitário pelos próximos oito dias. A 31ª edição do Festival de Teatro Universitário de Blumenau (Fitub) começa nesta quinta-feira à noite com a previsão de tornar o Teatro Carlos Gomes o marco central da produção cultural de grupos de teatro formados por estudantes de universidades de todo o país, e também de grupos internacionais, até o dia 19.

A noite de abertura terá o espetáculo “No Buraco”, do Centro Teatral Etc e Tal, do Rio de Janeiro. O espetáculo já foi premiado na Alemanha e une humor e mímica. Mesmo sem palavras, consegue se comunicar com a plateia de maneira intensa. A entrada é gratuita, mas é preciso retirar o ingresso de forma antecipada.

Neste ano não serão apenas as peças montadas por universitários que estarão em evidência durante os dias de festival. Uma das novidades do 31º Fitub será o maior envolvimento de outras áreas culturais na programação. Exposições de artes visuais, apresentação de alunos do curso de licenciatura em Dança da Furb, criado no ano passado, e uma montagem de acadêmicos do curso de Teatro da Furb vão compor as opções culturais nos dias de festival. Uma parceria com o Circuito Sesc também vai trazer apresentações musicais com nomes como Mareike Valentin (sexta-feira), Dona Quimera (sábado) e Felipe Coelho Trio (domingo).

– Querendo ou não, o teatro é a arte que mais dialoga ou faz uso de outras artes. A arte visual, a música e a dança, principalmente, estão muito presentes, compõem estilos teatrais. O melhor lugar para que isso aconteça é num festival de teatro – avalia o coordenador do festival, Fábio Hostert.

O coordenador do Fitub afirma que um tema que deve ser bastante abordado nos enredos das peças apresentadas é o sociopolítico. Hostert afirma que essa característica já é inerente ao teatro e, no caso de espetáculos feitos por estudantes universitários, sem pretensão comercial, há menos receio de tocar no assunto.

Outro destaque do festival será o aumento nas ações de teatro na escola. Este ano, os alunos participam também de uma oficina prévia que conversa com os alunos sobre as obras a serem apresentadas e exercita também a prática. O foco, segundo Hostert, é a formação de plateia.

No festival haverá espaço para novas criações dos alunos e diretores, mas também para peças inspiradas em textos como O Auto da Compadecida, de Ariano Suassuna, e Macbeth, de William Shakespeare.

INTERCÂMBIO COM PEÇAS ARGENTINA E CHILENA
O já tradicional intercâmbio com escolas latinas de teatro se repete este ano com dois espetáculos estrangeiros: Todas Las Anteriores, da Escuela Metropolitana de Arte Dramático, de Buenos Aires, na Argentina, e Convención, que reúne a Universidade de São Paulo e a Pontifícia Universidade Católica, do Chile. O número é menor do que as quatro peças internacionais que estavam em cartaz no festival do ano passado, mas tem como novidade a participação de uma peça chilena.

– A gente sempre abre as inscrições para toda a América Latina, mas em função da distância muitos grupos têm dificuldade. A proximidade favorece os grupos da Argentina. Mas os critérios de seleção são os mesmos. Neste ano, a curadoria entendeu que os espetáculos brasileiros tinham representatividade maior, que eles compõem uma mostra com diversidade maior de linguagem, de provocações – avalia Hostert.

PROGRAMAÇÃO E INGRESSOS
A lista completa, com as ações previstas até o dia 19, você confere aqui. Os ingressos para a programação do Teatro e Escola e Palco Sobre Rodas a entrada é gratuita. Para o espetáculo de abertura, No Buraco, os ingressos são gratuitos, mas limitados e precisam ser retirados com antecedência ao longo do dia na bilheteria do Teatro Carlos Gomes ou uma hora antes do espetáculo. O mesmo vale para a peça A Menina e o Vento. Nos demais espetáculos, os ingressos custam R$ 20 (inteira), R$ 10 (meia), R$ 8 (servidores e alunos da Furb) e R$ 4 (participantes do Fitub com crachá).

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaPM apreende aparelhos usados em jogos de azar em Blumenau https://t.co/3J7z1ti00e #LeiaNoSantahá 3 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaPM apreende equipamentos usados em jogos de azar em Blumenau https://t.co/qZeLtaR0Df #LeiaNoSantahá 3 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca