Jason Mraz faz show romântico e aconselha: "se você quer mudar o mundo, ame uma mulher" - Lazer e Cultura - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Veja como foi06/02/2017 | 00h26Atualizada em 06/02/2017 | 09h17

Jason Mraz faz show romântico e aconselha: "se você quer mudar o mundo, ame uma mulher"

Cantor americano encerrou turnê pelo Brasil com apresentação no P12, em Jurerê, e emocionou público ao cantar as muitas perspectivas sobre o amor 

Jason Mraz faz show romântico e aconselha: "se você quer mudar o mundo, ame uma mulher" Betina Humeres/Agencia RBS
Parece um menino tímido: Jason Mraz arriscou palavras em português e apresentou sequência de baladas românticas Foto: Betina Humeres / Agencia RBS

Tem show que é para dançar, show que faz pensar, tem show que é para conhecer coisa nova. E tem os shows que são despretensiosos. Quando o que se quer mesmo é balançar, fechar o olho, cantar aquela canção que arrepia, que lembra um momento bom, que convida a beijar e apertar a mão do seu amor. O show de Jason Mraz foi assim em Florianópolis: uma sequência de baladas românticas e de mensagens positivas. Ele encerrou a breve turnê por cinco cidades do Brasil no último domingo no P12, em Jurerê, onde cantou durante duas horas as múltiplas perspectivas sobre o amor.

Em temporada com raras atrações internacionais em Santa Catarina, à parte um e outro DJ (a crise econômica também reflete no show business), Mraz preencheu bem essa lacuna. Trouxe canções lá do começo da carreira, como The Remedy e Lucky; tocou sozinho em versão acústica — o público amou acompanhá-lo em I'm Yours; mostrou seu lado mais folk em canções desconhecidas da maioria, como The woman I love, A beautiful mess, Work in progress; e apresentou as músicas feitas em parceria com a Raining Jane, uma banda de folk-rock de Los Angeles formada por quatro mulheres ecléticas (aliás, vale bem à pena conhecer mais o trabalho do quarteto) que o acompanha desde o lançamento do disco Yes, de 2014, como Love someone.

O show começou às 20h10, bem na hora em que a chuva começou a cair, para um P12 lotado — foram 6 mil pessoas, a maior bilheteria da casa depois de Wesley Safadão no dia 1º de janeiro e do DJ Vintage, que reuniu público similar no dia 7 de janeiro deste ano.

Mraz parecia um menino tímido: magro, subiu ao palco vestindo camiseta e um boné que praticamente cobria o rosto. Arriscou um "tudo bem" e um "cantem comigo" com sotaque carregado uma e outra vez, mas manteve-se focado na música na maior parte do show, sem muita conversa.

Provocou o público a respirar fundo, a amar e, no meio do show, pediu licença para ler um poema. O texto trazia um conselho: "se você quer mudar o mundo, ame uma mulher".

Deixou os maiores sucessos como 93 Million Miles, I won¿t give up e You and I both para o final.

Foto: Betina Humeres / Agencia RBS

FÃS RECONHECERÃO

Veja as múltiplas perspectivas sobre o amor a partir das canções de Jason Mraz:

|| O AMOR FRATERNO
"Ela me disse, filho, você irá longe na vida
Se fizer tudo direito, amará o lugar onde estiver
Apenas saiba que não importa aonde vá
Você sempre poderá voltar para casa"
(93 Million Miles)

|| O AMOR PELA LIBERDADE
"Bem, abra sua mente e veja como eu
Desabafe e, caramba, você está livre
Olhe para seu coração e você encontrará amor"
(I¿m Yours)

Foto: Betina Humeres / Agencia RBS

|| O AMOR ROMÂNTICO
"Porque você e eu, ambos, amamos
O que você e eu falamos sobre
Os outros apenas lêem sobre
Outros apenas sonhando com o amor
O amor que eu amei"
(You and I Both)

|| O AMOR PELA AVENTURA
"Toda estrada é uma subida escorregadia
Mas sempre há uma mão na qual você pode se segurar
Olhando profundamente pelo telescópio
Você pode perceber que seu lar está dentro de você"
(93 million miles)

Foto: Betina Humeres / Agencia RBS

|| O AMOR PELA VIDA
"Se é uma parte quebrada, reponha-a
Mas, se é um braço quebrado engesse-o
Se é um coração quebrado, encare isso"
(Details in the fabric)

Leia também
Shakespeare e nonsense: Cia Elefants faz temporada com dois espetáculos
Saudades do Planeta Floripa e o que bombou no Planeta Atlântida no RS


Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaBlog do Pancho: Complexo penitenciário de Blumenau: incompleto e com projeto defasado https://t.co/OuGpt4xBNwhá 2 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaCâmaras de Joinville e Chapecó lideram despesas com diárias em Santa Catarina  https://t.co/dKl5ARjuHg #LeiaNoSantahá 17 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca