Catarinense Fernando Lindote é finalista do prêmio Marcantonio Vilaça de artes plásticas - Lazer e Cultura - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Arte contemporânea23/03/2017 | 14h09Atualizada em 23/03/2017 | 16h57

Catarinense Fernando Lindote é finalista do prêmio Marcantonio Vilaça de artes plásticas

Artista está entre os 20 selecionados para a sexta edição da premiação

Catarinense Fernando Lindote é finalista do prêmio Marcantonio Vilaça de artes plásticas Denise Bendiner/Divulgação
 Lindote e a exposição "A Cor do Brasil", que ocorreu no Museu de Arte do Rio em 2016 Foto: Denise Bendiner / Divulgação

Iniciativa importante para as artes plásticas no Brasil, o 6º Prêmio Marcantonio Vilaça (2017-2018) divulgou na última semana os 20 artistas selecionados para a sexta edição. Santa Catarina tem um representante: Fernando Lindote. Reconhecido nacional e internacionalmente, ele foi escolhido junto com outros 19 artistas do país por uma curadoria rigorosa. 

A exposição em São Paulo com os finalistas será em agosto. Também serão anunciados os cinco vencedores, que receberão bolsa de trabalho no valor de R$ 50 mil, cada um. Os ganhadores também serão acompanhados por um curador no desenvolvimento de obras a serem apresentadas em mostras itinerantes em quatro cidades do país, a partir de dezembro de 2017.

— Tem varias gerações nesse grupo selecionado, artistas jovens e outros com mais tempo de carreira. Acho que para o jovem artista é importante, para validar o trabalho no circuito. E para quem está na estrada, é uma demonstração de renovação do trabalho, de manutenção da pertinência desse trabalho — avalia ele.

Lindote nasceu na fronteira entre o Rio Grande do Sul e o Uruguai e vive em Florianópolis há 34 anos. Além de ter o trabalho como artista reconhecido, com participações em bienais, ele atua também como curador. Por essa razão, valoriza a seleção como a feita pela curadoria do Prêmio Marcantônio Vilaça:

— O júri foi feliz nas escolhas. O que valoriza uma premiação como essa é o trabalho de escolha: o que vai mostrar e que tipo de coisa está se escolhendo. O fato de se manter de dois em dois anos, gerar uma exposição grande, como a que vai ocorrer em agosto com os 20 selecionados, e depois as mostras itinerantes contribuem muito para o circuito de artes brasileiro — analisa.

O Prêmio CNI SESI SENAI Marcantonio Vilaça para as Artes Plásticas é um dos mais tradicionais de arte do país. Nas cinco edições anteriores, 25 artistas e dois curadores foram contemplados. O prêmio propõe a integração das artes em suas diversas manifestações e promove o fortalecimento dos acervos públicos brasileiros. A premiação também estimula a diversidade e a compreensão de valores éticos e estéticos por meio de iniciativas de arte-educação.

Sobre Marcontonio Vilaça

Marcantonio Vilaça (1962 - 2000) foi um artista plástico e advogado pernambucano e um dos maiores colecionadores de arte contemporânea brasileira. Ficou reconhecido por lançar novos artistas no mercado brasileiro e internacional de artes e por fortalecer a imagem das artes do Brasil internacionalmente.

Os 20 artistas finalistas da 6ª edição do Prêmio Marcantonio Vilaça 

Alice Miceli (RJ)
Bruno Vilela (PE)
Camila Soato (DF)
Dalton Paula (GO)
Daniel Lannes (RJ)
Éder Oliveira (PA)
Edith Derdyk (SP)
Fernando Lindote (SC)
Jaime Lauriano (SP)
João Angelini (DF)
João Loureiro (SP)
Marcelo Moscheta (SP)
Mariana Manhães (RJ)
Pablo Lobato (MG)
Pedro Motta (MG)
Rochelle Costi (SP)
Rodrigo Sassi (SP)
Suzana Queiroga (RJ)
Thiago Martins de Mello (MA)
Tony Camargo (PR)

Leia também
Confira  seleção de shows para curtir no primeiro semestre de 2017 em SC
Após hiato, suplemento cultural Ô Catarina! volta a ser editado

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaApós triplicar arrecadação com patrocinadores em cinco anos, Vila Germânica quer mais parceiros para a Oktoberfest… https://t.co/P4lCXJsKkPhá 3 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaLancaster planeja crescer no mercado de estampas digitais https://t.co/z02MB19rA7 #LeiaNoSantahá 4 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca