Termina encontro de chanceler norte-coreano com governo sueco - Mundo - Jornal de Santa Catarina - Jornal de Santa Catarina: notícias de Blumenau, Vale do Itajaí e SC
 

Estocolmo17/03/2018 | 15h33

Termina encontro de chanceler norte-coreano com governo sueco

AFP
AFP

As consultas entre altos funcionários da Coreia do Norte e Suécia, representante dos interesses americanos em Pyongyang, concluíram neste sábado em Estocolmo sem anúncios concretos sobre a possível cúpula entre Kim Jong Un e Donald Trump.

Desde quinta-feira ocorrem reuniões de alto nível e conversas telefônicas para organizar esta cúpula histórica entre o líder norte-coreano e o presidente dos Estados Unidos, que já foi anunciada mas sem ser confirmada formalmente.

Estava previsto que as consultas entre o ministro norte-coreano das Relações Exteriores, Ri Yong Ho; sua homóloga sueca, Margot Wallström; e o primeiro-ministro sueco, Stefan Löfven, terminassem na sexta-feira, mas as duas partes decidiram prolongá-las para aproveitar "a atmosfera construtiva", segundo Wallström.

A Suécia "ressaltou a necessidade para a Coreia do Norte de abandonar seu programa de armas e mísseis nucleares", segundo um comunicado final de seu ministério das Relações Exteriores.

As discussões também abordaram a situação humanitária na Coreia do Norte, afetada por múltiplas sanções das Nações Unidas, assim como "a cooperação regional e as questões de segurança para países como Coreia do Sul, Japão, Rússia e Estados Unidos".

Os ministros das Relações Exteriores dos dois países "discutiram sobre as oportunidades e os desafios" para os países envolvidos "nos esforços diplomáticos realizados para encontrar uma solução pacífica ao conflito", segundo o comunicado.

O Instituto Internacional de Estudos para a Paz (SIPRI), um organismo com sede em Estocolmo especializado em questões de segurança, desarmamento e solução de conflitos, informou que Ri se reuniu com o chefe de seu diretório, Jam Eliasson, e com seu diretor, Dan Smith.

"Suas conversas sobre a situação na península coreana e o nordeste da Ásia não se tornarão públicas", disse o SIPRI à AFP.

Donald Trump telefonou na sexta-feira a seu colega sul-coreano, Moon Jae-in, cujo governo transmitiu na semana passada a proposta de cúpula atribuída a Kim Jong Un e aceita imediatamente pelo presidente americano.

Trump "reiterou sua intenção de reunir-se com Kim Jong Un até o final de maio", informou a Casa Branca.

Ainda não houve nenhum contato direto entre os Estados Unidos e a Coreia do Norte, e a data e o local do encontro entre os dois líderes ainda não foram definidos.

* AFP

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaPolícia Civil inicia investigação de homicídio ocorrido no bairro Vorstadt, em Blumenau https://t.co/NQI655Xitd #LeiaNoSantahá 5 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaJovem morre em acidente de trânsito em Brusque https://t.co/bFcGXoEOgj #LeiaNoSantahá 31 minutosRetweet

Mais sobre

Jornal de Santa Catarina
Busca