Maioria das vagas de trabalho em Blumenau estão disponíveis na internet - Jornal de Santa Catarina: notícias de Blumenau, Vale do Itajaí e SC

Versão mobile

Especial Empregos22/02/2017 | 07h11

Maioria das vagas de trabalho em Blumenau estão disponíveis na internet

Sites especializados e perfis bem montados em redes sociais são caminhos para o mercado de trabalho

Maioria das vagas de trabalho em Blumenau estão disponíveis na internet Patrick Rodrigues/Agencia RBS
Felippe foi monitorado pela empresa que o contratou por meio do perfil no LinkedIn Foto: Patrick Rodrigues / Agencia RBS

Uma rede social atualizada e com um perfil atrativo. Foi por aí o caminho de Felippe De Pin ao novo emprego no ano passado. Sem precisar entrar em contato com agências, distribuir currículos ou sair pela rua batendo de porta em porta. O designer de experiências é um exemplo deste cenário aquecido da área de tecnologia que os dados do mercado de trabalho em Blumenau apontam:

– Eu tinha recentemente saído de uma empresa de TI de Blumenau e estava desanimado com o mercado local. Por mais que o mercado procure profissionais da minha área, não tem cultura e a gente fica sendo bloqueado em cada processo. Depois do desligamento resolvi me mudar para Itapema para repensar e tinha decidido que abriria algum empreendimento no ano seguinte, até que me ligaram no final da tarde no celular e o número estava bloqueado. Nunca atendo essas ligações, mas naquele dia resolvi atender, era uma oportunidade de trabalho sigilosa e só tive a informação que era uma vaga para Arquiteto de Informação em uma empresa de TI – relembra.

::: Blumenau tem mais de 3 mil vagas emprego disponíveis
::: À procura de um emprego, blumenauense viu oportunidade em um outdoor
::: Maioria das vagas em Blumenau estão disponíveis na internet
::: Agências de recrutamento especializado passam com segurança pela crise na busca por talentos no mercado
::: Confira dicas para encontrar e ser encontrado na busca por um emprego

Felippe foi encontrado pelo perfil que mantém na rede social LinkedIn, específica para contatos profissionais. A Senior Sistemas, empresa da vaga sigilosa em questão, o encontrou pelo site e entrou em contato. Após a conversa por telefone, ele recebeu um e-mail com perguntas e depois de responder recebeu outra ligação para agendar uma entrevista pessoalmente. Todo o contato inicial foi feito pela internet, com base nas recomendações e habilidades descritas na rede social. Assim, ele acabou moldando um tipo de perfil perfeito para a internet:

– Meu perfil é bem claro por lá (no LinkedIn). Acredito que tenho facilidade para escrever, o que me ajuda a explicar melhor meu perfil e minhas expectativas. Além disso sempre mantive bom relacionamento em todos lugares que passei, e ao sair destes lugares recebi depoimentos de ex-colegas. Estes depoimentos compõem o meu perfil profissional no LinkedIn, o que considero uma das coisas mais importantes nele.

Um bom currículo e filtro nas vagas pretendidas

Ao ser contratado pela empresa de tecnologia através de um contato pela internet, Felippe faz parte de uma tendência cada vez maior no mercado de trabalho: a de procurar (e encontrar) empregos através do computador. A plataforma Catho, uma das maiores e mais antigas na internet especializada em empregos, tem mais de 5 milhões de visitantes únicos por mês e, somente no ano passado, teve mais de 1,3 milhão de vagas anunciadas. A média, segundo a empresa, é de 3,5 mil vagas diárias. Todo dia 700 pessoas encontram um emprego no site, e para ter sucesso no meio de tantos números, o caminho é a montagem de um bom perfil.

– Para ter um bom aproveitamento, o mais importante é montar um bom currículo na internet. Aconselhamos também que o usuário não se candidate para um número tão alto, porque só vai ficar frustrado. A recomendação é filtrar e se candidatar somente se ele ver que cumpre pelo menos 70% dos requisitos da vaga, especialmente aqueles de escolaridade, língua e experiências prévias – explica a gerente de atendimento ao candidato da Catho, Kátia Garcia.

Para as empresas, o sistema da Catho é gratuito, o que contribui para o número de 77 mil empresas cadastradas no ano passado. Para o candidato, há um período de sete dias gratuitos e, depois, planos diferentes com valores específicos. Depende do tipo de vaga que a pessoa procura. Em Blumenau, 692 oportunidades de trabalho estão abertas atualmente na plataforma da Catho, a maioria para comércio (175) e indústria (151). Nem todas têm o salário descrito, mas a média varia entre R$ 2 e R$ 2,5 mil.

JORNAL DE SANTA CATARINA

 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaFiocruz cria aplicativo para pesquisar doenças e monitorar animais silvestres   https://t.co/VQPXQoVUxI #LeiaNoSantahá 29 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaDois homens morrem em rodovias estaduais de SC na noite de sábado https://t.co/z7qs6GEsWp #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros