Moacir Pereira: "Todo apoio à polícia de Florianópolis" - Política e Economia - Santa

Opinião04/09/2016 | 17h04

Moacir Pereira: "Todo apoio à polícia de Florianópolis"



As violentas manifestações que se registraram em Florianópolis e outras capitais após a cassação da presidente Dilma Rousseff atentaram claramente contra a ordem constitucional. E de forma criminosa, com atuação de vândalos. Prejudicaram milhares de cidadãos honestos e trabalhadores, atentaram contra o patrimônio público e destruíram a propriedade privada. Não foram protestos legítimos e ordeiros. Quem usa o anonimato das máscaras e lenços cobrindo o rosto é covarde e mal-intencionado, disposto a enfrentamento. Nas violações desta semana, agiram como bandidos, enfrentando ousadamente a polícia. Um dos maiores desafios do governo Temer na esfera política está exatamente no restabelecimento da ordem pública.

O lulopetismo incentivou, por ação ou omissão, a bagunça e a desordem com patrocínio de invasões, quebradeiras e bloqueio de rodovias, prejudicando milhões de brasileiros em seus direitos mais sagrados. Refrescando a memória: em agosto de 2015, o presidente da CUT, Vagner Freitas, alertou que estava preparado para defender o governo com armas e com um "exército". Violou a Constituição no Salão Nobre do Palácio do Planalto, ao lado da ex-presidente. E Dilma, em vez de censurá-lo, ainda o aplaudiu. Em Florianópolis, a baderna foi orquestrada. Segundo o comando da Polícia Militar, que agiu rigorosamente dentro da lei, o bloqueio da ponte estava ofendendo mais de 120 mil pessoas.

Santa Catarina tem uma das melhores polícias militares do Brasil, com mais de 181 anos de excepcionais serviços. Grupos radicais querem fragilizá-la. Como instituição do Estado, age para proteger os cidadãos. Apoiá-la, protegê-la e fortalecê-la é dever de toda a população.

Recomeço

A delegação de Santa Catarina, com 250 empresários e dirigentes de CDLs, é uma das maiores na 55ª Convenção Nacional do Comércio Lojista, que se realiza neste fim de semana na Praia do Forte, na Bahia. O presidente da FCDL, Ivan Tauffer, deu uma boa notícia: depois de dados negativos, o SPC-SC registrou crescimento de 2,7% nas consultas.
 — O sentimento dos lojistas é de recomeço — constata Tauffer.

Indenização

O Tribunal Regional do Trabalho de Santa Catarina decidiu punir a filial da empresa Khronos, em Joinville, a indenizar um vigilante que comprovou ter sido ameaçado a votar em candidatos a prefeito e vereador nas eleições de 2012. Os desembargadores entenderam que houve abuso ao poder empresarial e ofensa ao direito de livre exercício do voto. A indenização fixada foi de R$ 3 mil.

Vinho olímpico

Lançado durante a Olimpíada Rio 2016, o vinho Benedictum, da Vinícola Pericó, já conquistou o primeiro prêmio no Concurso Internacional de Vinhos. O rótulo traz as digitais da família Weege. O perfeccionista empresário Wander Weege (foto), criador e dono da Pericó, deu um estalo quando a pequena neta Catharina riscava papéis com lápis coloridos. Identificou ali uma criativa obra de arte com as cores do Brasil. O desenho infantil virou belíssimo rótulo em alto relevo do novo Cabernet Sauvignon, safra 2012. Pesadas garrafas especiais importadas da França com fundo côncavo trazem no contra rótulo informações sobre o significado das cores e o desenho artístico do rótulo. A Pericó já conquistou 30 prêmios nacionais e internacionais em oito safras.

JORNAL DE SANTA CATARINA

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    Santa"Desengaveta", com Fernanda Paes Leme, e outras atrações para ver na TV nesta segunda-feira https://t.co/ohftyRwDmf #LeiaNoSantahá 24 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaAcidente provoca vazamento de gasolina no rio Itajaí-Açu e gera fila na BR-101, em Navegantes https://t.co/6Ab641fMRe #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros