Pedro Machado: redução do preço do diesel não afetará custo do transporte de cargas - Política e Economia - Santa

Versão mobile

Economia18/10/2016 | 07h02

Pedro Machado: redução do preço do diesel não afetará custo do transporte de cargas

Pedro Machado: redução do preço do diesel não afetará custo do transporte de cargas Patrick Rodrigues/Agencia RBS
Foto: Patrick Rodrigues / Agencia RBS

A redução de 2,7% no preço do diesel nas refinarias, anunciada na última semana pela Petrobras, não terá impacto no custo do frete de cargas no Estado. A avaliação é do empresário Osmar Labes, presidente do Sindicato das Empresas de Transportes de Carga e Logística no Estado de Santa Catarina (Setcesc).

Leia mais notícias do colunista Pedro Machado

Mesmo que as distribuidoras apliquem o reajuste, a medida garantiria uma diminuição de apenas R$ 0,05 por litro, o que seria “imperceptível” nos gastos das operações, avalia Labes.

Nunca é demais lembrar que o escoamento da produção representa um dos principais custos para as empresas. Um estudo apresentado pela Federação das Indústrias de Santa Catarina (Fiesc) no último ano mostra que a indústria do Estado gasta 14% do faturamento em logística, índice acima da média nacional, que é de 11%. Dentro desta conta, o transporte de mercadorias representa metade das despesas.

JORNAL DE SANTA CATARINA

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaSuspeita de matar e enterrar pai no quintal em São João Batista é presa no Rio Grande do Sul https://t.co/V8w2q6olo9 #LeiaNoSantahá 39 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaVídeo: Banda Cavalinho lança novo disco com promessa de hit para a Oktoberfest https://t.co/ABkWnIoFJU #LeiaNoSantahá 56 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros