Nova secretaria quer unir Ippuj e Desenvolvimento Econômico de Joinville - Política e Economia - Santa

Versão mobile

Livre Mercado 02/01/2017 | 21h09

Nova secretaria quer unir Ippuj e Desenvolvimento Econômico de Joinville

Mobilidade é uma das prioridades da gestão

Da redação*

Os próximos 30 dias serão decisivos para as equipes que hoje atuam no Fundação Instituto de Pesquisa e Planejamento para o Desenvolvimento Sustentável de Joinville e na Secretaria de Integração e Desenvolvimento Econômico (Side), ambas sob o comando de Danilo Conti nesta gestão. Se aprovada a reforma administrativa de Udo Döhler – algo que certamente deve ocorrer por causa da maioria do prefeito na Câmara de Vereadores – Conti, que já estava à frente da Side desde 2015, terá a missão de criar uma nova secretaria focada em pensar a Joinville de daqui 20 anos. Segundo ele, o nome da pasta ainda não está 100% definido, mas deve ser Secretaria de Planejamento Urbano e Desenvolvimento Sustentável.

O secretário afirma que agora é hora de planejar. Por isso, o mês de janeiro será de reuniões e dinâmicas, nas quais ele espera encontrar as principais lideranças da nova pasta.

– Vamos unir as duas equipes. A ideia é enxugar cargos comissionados. Faremos dinâmicas para repensar a secretaria e conhecer melhor o time. Daí é que vão sair as lideranças, privilegiando quem é da casa – assegura Conti.

A nova pasta deve ter como sede a antiga Prefeitura, onde atualmente já está o Ippuj – Conti ressaltou que para unir as equipes é fundamental que todos estejam em um mesmo espaço físico. Hoje, o Ippuj conta com 64 pessoas, enquanto a Side tem oito.
Ele diz ainda não ter pensado em cargos, justamente por precisar conhecer melhor o time do instituto, e acredita que isso será construído em parceria com a equipe.

Convergência
Conti diz já perceber elos entre Ippuj e Side desde o início de sua participação no governo.
– Todo o desenvolvimento depende do Plano Diretor e do planejamento urbano. Desenvolver economicamente as regiões macro da cidade ajuda em muito na hora de reduzir os custos com infraestrutura – explica.

Desafios
Por mais que o objetivo da secretaria seja pensar o futuro, sendo mais estratégica do que operacional – nas palavras de Conti –, o secretário sabe que cabe, especialmente ao Ippuj, muitas atribuições determinantes para o curtíssimo prazo – e com forte impacto também no futuro da cidade. Entre os principais focos deste início de mandato estão o desenrolar da região metropolitana e a regularização da Lei de Ordenamento Territorial (LOT), aprovada na Câmara no apagar das luzes no ano passado.

Sobre a região metropolitana, Conti diz incluir as cidades da agências de Desenvolvimento Regional (ADRs) de Joinville e de Jaraguá, o que exigirá muita articulação e diálogo com prefeitos e primeiro escalão de outros municípios. Para a missão, o secretário diz contar com a ajuda da Associação dos Municípios do Nordeste de Santa Catarina (Amunesc).

O outro grande desafio, a regularização da LOT, vem em boa hora, segundo Conti. Ele diz que a aprovação é uma coincidência muito positiva, apesar de exigir muito da Ippuj.

Mobilidade
– Quando o prefeito discursa, sempre fala em educação, saúde, segurança e mobilidade. Este último ponto diz respeito a nossa secretaria, é o assunto da nossa secretaria, e por isso é outro grande desafio – destaca Conti.

Ele afirma que a função de atrair novos investimentos ainda será da pasta coordenada por ele, mas com um olhar diferenciado. Os investimentos a serem atraídos por meio de políticas públicas deverão estimular um novo eixo econômico, que ajude com que as indústrias que já estão aqui possam se reinventar.

– Olhando para o exemplo das indústrias do setor automobilístico. Em 20 anos, os carros serão muito diferentes do que são hoje. Possivelmente elétricos, de uso coletivo – exemplifica.

Cepat
O futuro do Centro Público de Atendimento aos Trabalhadores (Cepat), que hoje conta com 30 funcionários, ainda não está totalmente definido. Possivelmente deve integrar a nova secretaria de Conti.

Falando nisso...
O Cepat, que semanalmente lista empregos abertos em Joinville, divulgou nesta segunda-feira a primeira lista do ano. São 49 vagas, entre oportunidades recém-abertas e outras mais antigas ainda não preenchidas. Os salários mais altos estão na casa dos R$ 2 mil.

As novas vagas são para carregador (armazém), coordenador de serviços de manutenção e motorista operacional de guincho. Há ainda 16 vagas para cabistas e dez para motorista carreteiro. Também há emprego para alinhador de pneus, armador de ferros (construção civil), carpinteiro e mecânico de manutenção de automóveis.

Os cargos de costureira, revisor de tecidos acabados e vendedor pracista aceitam pessoas com deficiência. A lista também divulga vagas exclusivas para pessoas com deficiência, como assistente administrativo, auxiliar de limpeza e operador de caixa.
Todas as oportunidades são para homens e mulheres. Os interessados devem comparecer à sede do Cepat, na rua Abdon Batista, 342, próximo ao Mercado Municipal das 8 às 14 horas.


*********************************************************************************************
* O colunista Claudio Loetz está de férias e volta a escrever neste espaço no dia 10 de janeiro. Sugestões de notas e reportagens no período de ausência do colunista podem ser enviadas para o jornalista Jean Balbinotti pelo e-mail jean.balbinotti@an.com.br ou pelo telefone (47) 3419-2147.


A NOTÍCIA

Notícias Relacionadas

Livre Mercado  11/11/2016 | 22h41

Loetz: GM pede licenciamento para nova fábrica capaz de gerar 449 vagas em Joinville

Expectativa é que obras da nova unidade levem dez meses

Livre Mercado 27/01/2016 | 17h27

General Motors dará férias coletivas a todos os funcionários de Joinville

A capacidade de produção da fábrica joinvilense é de 120 mil motores e de 200 mil cabeçotes por ano

 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaLaboratório que capta CO2 de carbonífera é inaugurado em Criciúma https://t.co/F9XObWRuFl #LeiaNoSantahá 15 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaPolícia Federal cumpre mandado contra pedofilia em Blumenau  https://t.co/qGiApAlat9 #LeiaNoSantahá 22 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros