Saiba como os deputados de SC votaram no novo pedido de urgência na apreciação da reforma trabalhista - Política e Economia - Santa

Versão mobile

Política19/04/2017 | 21h38Atualizada em 19/04/2017 | 21h38

Saiba como os deputados de SC votaram no novo pedido de urgência na apreciação da reforma trabalhista

Dos 16 representantes catarinenses, 10 votaram "sim" e 6, "não"

Diário Catarinense
Diário Catarinense

O Plenário da Câmara dos Deputados aprovou nesta quarta-feira, por 287 votos a 144, o regime de urgência para o projeto de lei da reforma trabalhista (PL 6787/16). Na noite anterior, o plenário havia rejeitado a urgência para a matéria por falta de votos, pois obteve apoio de apenas 230 parlamentares, quando o necessário é 257. As informações são da Agência Câmara de Notícias.

Com a aprovação da urgência, não será possível pedir vista ou emendar o texto na comissão especial que analisa o substitutivo do deputado Rogério Marinho (PSDB-RN).

Veja como votaram os 16 dos deputados federais de Santa Catarina:

Carmen Zanotto (PPS) - Sim
Celso Maldaner (PMDB) - Sim
Cesar Souza (PSD) - Não
Décio Lima (PT) - Não
Esperidião Amin (PP) - Não
Geovania de Sá (PSDB) - Não
João Paulo Kleinübing (PSD) - Sim
João Rodrigues (PSD) - Sim
Jorge Boeira (PP) - Não
Jorginho Mello (PR) - Sim
Marco Tebaldi (PSDB) - Sim
Mauro Mariani (PMDB) - Sim
Pedro Uczai (PT) - Não
Rogério Peninha Mendonça (PMDB) - Sim
Ronaldo Benedet (PMDB) - Sim
Valdir Colatto (PMDB) - Sim

Leia também:

Saiba como os deputados de SC votaram no pedido de urgência na apreciação da reforma trabalhista

Câmara rejeita pedido de urgência para projeto da reforma trabalhista


 
 
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros