Bombeiros recebem homenagem por parto emergencial de grávida durante enchente em Rio do Sul - Política e Economia - Santa

Versão mobile

Moacir Pereira05/07/2017 | 02h40Atualizada em 05/07/2017 | 09h02

Bombeiros recebem homenagem por parto emergencial de grávida durante enchente em Rio do Sul

Eles realizaram o trabalho de parto dentro da viatura oficial 

Bombeiros recebem homenagem por parto emergencial de grávida durante enchente em Rio do Sul Edivaldo Dondossola/Agência RBS
Foto: Edivaldo Dondossola / Agência RBS

Os bombeiros militares Allan Giovani de Moraes, Diego Alexandre Barbosa, Cleiton Luiz Fuck e Evandro Carlin foram homenageados na Assembleia Legislativa por iniciativa do deputado Milton Hobus. Durante as enchentes em Rio do Sul, fizeram o resgate da parturiente Agnes Klann, 23 anos. Quando a conduziam ao Hospital Regional  realizaram o trabalho de parto, com o nascimento de Tyler Klann dentro da viatura oficial.  O ato teve a presença do coronel Borges, subcomandante do Corpo de Bombeiro Militar (E).

Foto: Moacir Pereira / Moacir Pereira

Calote
A situação da BR-163 é a mais precária entre as estradas federais no Oeste catarinense. Segundo o deputado João Rodrigues, as obras estão totalmente paradas porque desde o governo Dilma a empreiteira não recebe o pagamento pelos serviços executados. Já o trecho da BR-282, entre Chapecó e São Miguel do Oeste, não foi restaurado porque depende de julgamento de recurso no Tribunal Regional Federal de Porto Alegre.

A vila
Companhia Siderúrgica Nacional requereu ao prefeito de Tubarão, Joares Ponticelli, o imediato pagamento de precatório de R$ 3,87 milhões referente à desapropriação da Vila dos Engenheiros. A vila foi desapropriada na gestão do prefeito Miguel Ximenez, em 1987. Apenas três parcelas foram pagas pelo prefeito Irmotto Fuerschutte e nada mais. A CSN quer que o prefeito fure a fila dos precatórios, mas Ponticelli diz que tomará a decisão com autorização da Justiça.

Lavagem de dinheiro
Os cartórios de Santa Catarina já estão interligados e preparados para comunicar à Receita Federal operações suspeitas de lavagem de dinheiro envolvendo transações de bens. O presidente da Associação dos Notários e Registradores de Santa Catarina, Miguel Ortale, retornou de encontro que tratou do assunto em Brasília. A lei sobre a matéria depende de regulamentação pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ).

Acompanhe as publicações de Moacir Pereira

Pacientes não atendidos pelo SUS terão direito a indenização por danos morais e materiais

DNIT: fiscalização necessária nas rodovias federais de Santa Catarina

SUS está matando os hospitais


tais">SUS está matando os hospitais


 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaDupla é detida após assaltar padaria no Centro de Blumenau https://t.co/dM7870eNMT #LeiaNoSantahá 41 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaPolícia Civil vai investigar agressão contra professora em Indaial https://t.co/BBuyVDYRJQ #LeiaNoSantahá 42 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros