Carolina Bahia: PMDB é alvo das flechas de Janot - Política e Economia - Santa

Versão mobile

Política26/08/2017 | 02h10Atualizada em 26/08/2017 | 02h10

Carolina Bahia: PMDB é alvo das flechas de Janot

Michel Temer só não entrou nesse balaio, porque as irregularidades encontradas antecedem o período do mandato

Carolina Bahia: PMDB é alvo das flechas de Janot Carlos Moura/STF,Divulgação
Foto: Carlos Moura / STF,Divulgação

Às vésperas de deixar a Procuradoria-Geral da República, Rodrigo Janot está limpando as gavetas. As denúncias encaminhadas ao Supremo Tribunal Federal (STF) indicam que o principal alvo das últimas flechas de Janot é a cúpula do PMDB. Os caciques Renan Calheiros (AL), Romero Jucá (RR), Garibaldi Alves (RN), Valdir Raupp (RO) e o ex-presidente José Sarney são acusados pelos crimes de corrupção passiva, ativa e lavagem de dinheiro em um esquema de desvios da Transpetro.

O presidente da República, Michel Temer, só não entrou nesse balaio, porque as irregularidades encontradas antecedem o período do mandato. Raupp teria procurado a Transpetro, em nome de Temer, para conseguir dinheiro à campanha de Gabriel Chalita para a prefeitura de São Paulo. No entanto, Janot ainda reserva uma flecha para o presidente.

- Sabemos que o Janot vai querer dizer que o Michel é o chefe da quadrilha, mas o presidente não está preocupado com isso – rebate um fiel aliado do Planalto.

O procurador deve apresentar a segunda denúncia contra Temer nos próximos dias, por obstrução de Justiça. Será um constrangimento político, mais um elemento de desgaste. Mas se uma mala de dinheiro nas mãos do assessor especial não derrubou o peemedebista, dificilmente outra denúncia terá efeito devastador. Temer está agarrado ao poder e, fragilizado, deverá se arrastar até o final de 2018. Enquanto isso, os principais nomes de seu partido afundam na lama da Lava-Jato

Leia outras colunas de Carolina Bahia

Carolina Bahia: fantasma do fato novo

Carolina Bahia: segurança em segundo plano

Carolina Bahia: equivocado e incompleto

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaHavan vai investir R$ 80 milhões para ampliar centro de distribuição em Barra Velha https://t.co/OUsFWaNs15 #LeiaNoSantahá 34 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaKakay: "A Operação Lava-Jato banalizou a delação premiada e a prisão preventiva no país" https://t.co/5nZHIBTaqJ #LeiaNoSantahá 44 minutosRetweet
Jornal de Santa Catarina
Busca