Polícia Civil vai investigar suposto caso de assédio entre vereadores em Balneário Camboriú - Política e Economia - Santa

Versão mobile

 

Política21/03/2018 | 12h40Atualizada em 21/03/2018 | 12h45

Polícia Civil vai investigar suposto caso de assédio entre vereadores em Balneário Camboriú

Terça-feira foi marcada por confusão na sede da Câmara

  

Marido de vereadora foi até a Câmara tirar satisfações na terça-feira.Foto: Reprodução / Camboriú.Net

A Polícia Civil de Balneário Camboriú vai investigar um suposto caso de importunação ofensiva ao pudor entre vereadores. O caso ganhou destaque na terça-feira à noite depois que o marido de Juliethe Nitz (PR) – o lutador de MMA Juliano Ninja – foi até a Câmara para tirar satisfações com o parlamentar Elizeu Pereira (PMDB). Guarda Municipal e Polícia Militar foram acionadas para controlar a confusão, que foi parar na delegacia.

Em entrevista à reportagem da NSC TV, Pereira disse se tratar de uma mentira e que nada teria acontecido. Ele afirmou ter registrado um boletim de ocorrência por calúnia e outro por difamação. Juliethe diz ter feito um BO alegando ter sido assediada durante uma festa de aniversário no último fim de semana. O marido dela afirmou que esse tipo de situação seria reincidente com a vereadora. Ele, assim como os outros envolvidos, serão chamados para uma audiência de conciliação.

Juliethe Nitz não quis se manifestar. O vereador Nilson Probst (PMDB), que aparece nas imagens discutindo, diz que separou a briga porque viu Juliano empurrando o vereador Elizeu contra parede. Ele e outros 14 parlamentares assinaram um boletim de ocorrência coletivo por desacato. A assessoria jurídica da Câmara informou que está verificando a possibilidade de impedir o homem de entrar no espaço do legislativo novamente.

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaFuncionários da rodoviária de Blumenau afirmam que brigas são frequentes no local https://t.co/3AlIqzCnvY #LeiaNoSantahá 12 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaPrefeitura tem dificuldade em lidar com os moradores de rua na rodoviária de Blumenau https://t.co/biixdGZsOU #LeiaNoSantahá 12 horas Retweet
Jornal de Santa Catarina
Busca