"Será um mandato de continuidade", diz Mário Hildebrandt sobre assumir a prefeitura de Blumenau - Política e Economia - Santa

Versão mobile

 

Política27/03/2018 | 20h21Atualizada em 27/03/2018 | 20h21

"Será um mandato de continuidade", diz Mário Hildebrandt sobre assumir a prefeitura de Blumenau

Vice-prefeito assumirá o cargo após renúncia de Napoleão Bernardes (PSDB)

 

 Blumenau - SC - Brasil - 27032018 - Napoleão encara riscos da renúncia para levar adiante carreira política meteórica.
Foto: Patrick Rodrigues / Jornal de Santa Catarina

Mário Hildebrandt (PSB) não é um vice decorativo. Desde o início do segundo mandato de Napoleão Bernardes (PSDB) à frente da prefeitura o vice esteve presente em todos os principais atos do governo, em alguns até aparecendo mais que o próprio prefeito – como na apresentação do pacote de obras de mobilidade em março do ano passado. Por isso, nos bastidores a expressão “prefeito Mário” já era usada por muitos interlocutores, e será oficializada no próximo dia 5, às 17h, com a cerimônia da transferência de cargo.

O ato de Napoleão comunicar a mudança exatamente no dia do aniversário de 49 anos de Hildebrandt foi simbólico. O “parabéns pra você” entoado no plenário no início da sessão nesta terça-feira celebrava mais do que a passagem de um ano na vida do então vice e em breve prefeito de Blumenau. Com uma cidade tomada por obras em andamento para administrar, Hildebrandt falou com a reportagem sobre os próximos passos na administração municipal:

Qual será a marca de Mário Hildebrandt (PSB) como futuro prefeito de Blumenau até 2020?

Trabalho, trabalho, trabalho e muita fé em Deus. O meu resumo é esse. Vou continuar trabalhando, fazendo as ações dos projetos que já estão em andamento, complementar essas ações terminando as obras e captar novos recursos. Definir a equipe de governo que vai caminhar comigo, que a tendência é que seja a grande maioria que está aí, até porque é um governo que nós fizemos a quatro mãos, então não teria a necessidade de grandes mudanças, e continuar o trabalho de organização de governo de levar a necessidade para passar ainda mais a situação financeira que ainda está complexa no Brasil e superar isso, conseguir chegar ao ano que vem bem, firme e forte, para deslanchar nos últimos dois anos de mandato.

Nesse período de um ano e três meses do segundo mandato do Napoleão, o senhor foi um vice atuante e presente. O que a experiência deste período vai ajudar? O futuro mandato será de continuidade ou um novo período na prefeitura de Blumenau?

Será um mandato de continuidade que vai ter as suas construções que vêm do Mário prefeito, mas ele tem a característica que o Napoleão deu início, com certeza com essa mescla do segundo mandato que tinha a minha característica também. Naturalmente a minha (gestão) agora também vai ter a característica dele envolvida, nós nos cruzamos, então é difícil separar quando o governo é feito a quatro mãos. Vou continuar no meu dia a dia enquanto prefeito trabalhando e ajudando a cidade, e no meu horário de folga, que vai ser pouco, tentando ajudar a empurrar o Napoleão a galgar um cargo estadual, porque Blumenau merece, o Vale do Itajaí merece, e o Estado de Santa Catarina merece o modelo de trabalho do Napoleão.

O senhor falou sobre poucas mudanças nas secretarias. O que podemos esperar de alterações no primeiro escalão com Mário como prefeito?

Teremos uma reunião amanhã cedo para tratar a transição. Não serão grandes mudanças, nosso objetivo aqui não é mudar, tive contato com praticamente todos os secretários nessa caminhada. Agora é uma questão de alinhamento e ajustes.

Atualmente o senhor responde também pela Secretaria do Programa de Mobilidade Sustentável e de Projetos Especiais. Como futuro prefeito, pretende acumular o cargo ou irá indicar outra pessoa?

Boa pergunta, não pensei nisso ainda. Algumas coisas ainda não consegui desenhar e alinhar, a gente está focado nas obras e se eu conseguir alguém que tenha esse perfil para assumir a pasta eu farei (a indicação). Mas não vou acumular. Deverá ter um gestor, alguém que vai coordenar as obras e ações para que eu possa ter o resultado rápido, pois os prazos estão curtos e eles precisam ser cumpridos.

 
Jornal de Santa Catarina
Busca