Assalto a carro-forte tem perseguição e tiroteio na BR-280, em Araquari - Segurança - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Segurança07/10/2016 | 13h56Atualizada em 07/10/2016 | 14h38

Assalto a carro-forte tem perseguição e tiroteio na BR-280, em Araquari

Ladrões jogaram caminhão contra carro-forte para parar o veículo, mas não conseguiram explodir o compartimento onde estava o dinheiro

Assalto a carro-forte tem perseguição e tiroteio na BR-280, em Araquari Salmo Duarte/Agencia RBS
Para parar o veículo, assaltantes jogaram um caminhão contra o caro-forte Foto: Salmo Duarte / Agencia RBS
Leandro S. Junges

leandro.junges@an.com.br

Um assalto a um carro-forte parou o trânsito nas BR-101 e BR-280, em Araquari, perto do trevo que dá acesso a Jaraguá do Sul na manhã desta sexta-feira. Homens fortemente armados interceptaram o veículo de transporte de valores usando um caminhão.

O integrante do grupo que dirigia o caminhão estava vestido com roupas especiais e usava um capacete. Ele bateu de frente, em alta velocidade, contra o carro-forte, que tombou ao lado da pista.

Mesmo feridos, os vigilantes do carro-forte ainda trocaram tiros com os assaltantes. O barulho do acidente e o tiroteio assustaram moradores e motoristas que trafegavam pelo local.

Logo depois, policiais rodoviários federais que saíram do posto de Guaramirim e passavam pelo local perceberam a movimentação e foram recebidos com tiros pelos bandidos.

Um tiroteio que durou cerca de cinco minutos obrigou motoristas e moradores a se esconder. 

Os bandidos conseguiram fugir em direção ao bairro Itinga, na zona Sul de Joinville, em uma Toyota Hilux. O carro da fuga foi queimado e abandonado em uma lateral da BR-101.



Na troca de tiros entre os bandidos, os seguranças do carro-forte e a polícia, um policial rodoviário e os quatro vigilantes ficaram feridos. Segundo a PM, nenhum deles teve ferimentos graves. Os ocupantes do carro-forte tiveram ferimentos por causa do acidente e foram levados a hospitais de Joinville.

Três deles foram encaminhados para a Unimed e estão em observação clínica, mas o estado é estável. O homem que foi levado para o São José teve fraturas na perna deve passar por cirurgia, mas também encontra-se em estado estável.

A polícia não sabe se algum dos bandidos também foi atingido. Em princípio, três pessoas participaram da tentativa frustrada de assalto. 

O carro-forte ficou totalmente destruído e os bandidos fugiram sem levar nada. Na fuga, acabaram deixando os explosivos dentro do veículo, perto do compartimento onde estava o dinheiro.

Uma equipe da força Cobra, de Florianópolis, chegou a viajar de helicóptero até o local do acidente, mas não foi possível trabalhar na remoção dos explosivos.

No começo da tarde, uma equipe da Deic, da Polícia Civil, foi acionada para fazer a retirada dos explosivos.

Uma perseguição envolvendo a PRF e as polícias Civil e Militar ocorreu durante quase toda a manhã.

Até o meio da tarde desta-sexta-feira, o trânsito continua em meia pista na rodovia, nos dois sentidos.

Leia mais informações sobre Joinville e região no AN.com.br 

A Toyota Hilux, usada pelos criminosos, foi encontrada incendiada em Araquari. Eles fugiram em outro carro, ainda não identificado.


Caminhonete usada na fuga foi incendiada. Foto: Divulgação/Bombeiros

A NOTÍCIA

 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaPedro Machado: a Chapecoense é uma unanimidade https://t.co/w9WYf5SyKn #LeiaNoSantahá 8 diasRetweet
  • santacombr

    santacombr

    Santa"Pode-se tentar calar o juiz, mas nunca se conseguirá calar a Justiça", reage Cármen Lúcia https://t.co/JZDSmNAMoY #LeiaNoSantahá 8 diasRetweet

Veja também

Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros