Mais de 30 mil jovens são assassinados por ano no Brasil - Segurança - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Violência05/06/2017 | 12h14Atualizada em 05/06/2017 | 12h14

Mais de 30 mil jovens são assassinados por ano no Brasil

No grupo de 15 a 29 anos, as principais vítimas são os homens jovens

Agência Brasil
Agência Brasil

Os jovens de 15 a 29 anos são as principais vítimas de homicídio no Brasil e, entre 2012 e 2015, mais de 30 mil pessoas nessa faixa etária foram assassinadas por ano no país. Os dados fazem parte do Atlas da Violência 2017, divulgado nesta segunda-feira (5) pelo Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea) e pelo Fórum Brasileiro de Segurança Pública.

Apesar de 2015 ter registrado uma queda de 3,6% em relação a 2014, o número de jovens mortos continuou acima dos 30 mil, com 31.264. A situação se repete desde 2012 e atingiu o pico de 32.436 em 2014.

Leia mais
Ranking aponta Alvorada como o 12º município mais violento do Brasil

De 2005 a 2015, o número de jovens mortos no país cresceu 16,7%. Enquanto a taxa de homicídios da população em geral é de 28,9 casos para cada 100 mil habitantes, entre os jovens a proporção é de 60,9 casos.

Dentro dessa faixa etária, as principais vítimas são os homens jovens. Entre eles, a taxa de homicídios chega a 113,6 casos por 100 mil habitantes. O problema se agrava em alguns Estados, onde a taxa pode ser o dobro da nacional.

Em Alagoas, 233 homens jovens de 15 a 29 anos foram assassinados para cada 100 mil homens dessa faixa etária. Sergipe tem a segunda maior taxa, com 230,4 para 100 mil.

O Rio Grande do Norte registra 197,4 casos para 100 mil habitantes nessa faixa etária e gênero, mas foi o estado que teve o maior salto no período de 2005 a 2015: 313,8%.

Leia as últimas notícias de Polícia

*Agência Brasil

 
 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaTeste identifica inseto inteiro morto em pó de café  https://t.co/sUULVbJydl #LeiaNoSantahá 57 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaTeste identifica inseto inteiro morto em pó de café Mellita https://t.co/t1ER6xDbIe #LeiaNoSantahá 1 horaRetweet

Veja também

Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros