Operação Opus termina com 18 presos suspeitos de ligação com facção criminosa em Brusque - Segurança - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Segurança24/08/2017 | 11h30Atualizada em 24/08/2017 | 11h32

Operação Opus termina com 18 presos suspeitos de ligação com facção criminosa em Brusque

Coletiva na manhã desta quinta-feira deu detalhes da ação ocorrida na quarta-feira

Operação Opus termina com 18 presos suspeitos de ligação com facção criminosa em Brusque Aline Camargo/Jornal de Santa Catarina
Foto: Aline Camargo / Jornal de Santa Catarina

A Polícia Civil de Brusque, por meio da Divisão de Investigação Criminal, concedeu coletiva na manhã desta quinta-feira para fazer um balanço da Operação Opus, desencadeada na quarta-feira e que mirava em integrantes de uma facção criminosa que atua em presídios catarinenses.

Segundo o delegado Alex Bonfim Reis, 18 pessoas foram presas nas cidades de Brusque, Guabiruba e São João Batista na quarta-feira. Destes, 15 seriam diretamente ligados à organização criminosa, um era fugitivo do Complexo Penitenciário da Canhanduba e outros dois foram detidos por tráfico de drogas, sem ligação comprovada com a facção.

O grupo começou a ser investigado há cinco meses, a partir de uma apreensão de documentos e informações que permitiram a abertura do inquérito. A operação foi batizada de Opus por ser este um tipo de arquivo de áudio e vídeo, baseando-se nas mensagens que os membros trocavam — e que iam de mensagens a cartas.

Entre os crimes apontados pela investigação, estão organização criminosa, associação para o tráfico, tráfico de drogas e corrupção de menores.

— É uma série de crimes que circundam a organização — explica o delegado.

Também foram apreendidos documentos, cujo foco era comprovar a atuação do crime organizado na região. Participaram da ação 25 policiais militares, 63 policiais civis e os cães da PM de Blumenau e Itajaí.

A coletiva desta quinta-feira contou ainda com a participação do delegado regional de Brusque, Fernando de Faveri, e do tenente-coronel Moacir Gomes Ribeiro, comandante do 18º Batalhão da PM.


Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaNovo empreendimento em SC marca uma nova época para inovação tecnológica no Estado  https://t.co/UEX4Vz7XRe #LeiaNoSantahá 40 minutosRetweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaDenúncia contra Temer chega à Câmara dos Deputados https://t.co/aA2ddEjhtV #LeiaNoSantahá 5 horas Retweet

Veja também

Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros