Em nota, PM diz que ataques "afrontam a sociedade" e que intensificou operações pelo Estado - Segurança - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

Violência nas ruas01/09/2017 | 12h23Atualizada em 01/09/2017 | 12h23

Em nota, PM diz que ataques "afrontam a sociedade" e que intensificou operações pelo Estado

Pele menos 14 atentados foram registrados pela polícia entre a noite de quinta e a madrugada de sexta-feira

Em nota, PM diz que ataques "afrontam a sociedade" e que intensificou operações pelo Estado Cristiano Estrela / Agencia RBS/Agencia RBS
Foto: Cristiano Estrela / Agencia RBS / Agencia RBS
Diário Catarinense
Diário Catarinense

Em nota divulgada no fim da manhã desta sexta-feira, a Polícia Militar de Santa Catarina diz que os ataques registrados contra órgãos da segurança pública "afrontam a sociedade, a ordem pública e a paz social". No texto, a corporação também afirma que intensificou as operações pelo Estado após os atentados.

A polícia registrou pelo menos 14 ataques na noite de quinta-feira e madrugada desta sexta, incluindo tiros contra o Centro Administrativo do governo. As investidas de criminosos contra o Estado voltaram a ocorrer no dia 11 de agosto, quando um policial militar foi morto em Florianópolis. 

Confira a íntegra da nota:

Em relação aos crimes cometidos nos dias 31 de agosto de 2017 e madrugada de 01 de setembro de 2017, a Polícia Militar esclarece que:

1. A Polícia Militar intensificou, em todo o Estado, operações policiais para o enfrentamento à criminalidade, principalmente relacionados aos acontecimentos recentes, envolvendo membros e instalações dos órgãos de segurança pública;

2. Considerando nossa missão constitucional, somos a última linha de defesa entre o cidadão de bem e a criminalidade, portanto, ataques a órgãos de segurança pública afrontam a sociedade catarinense, a ordem pública e a paz social, e isto não pode ser permitido;

3. A Corporação não divulgará informações referentes às ações que estão sendo realizadas, com o intuito de não prejudicar o andamento das operações;

4. A proteção da sociedade é a missão da Polícia Militar e jamais daremos trégua no nosso árduo ofício de defender o cidadão debem, mesmo com o risco da própria vida.

Quartel do Comando-geral, 01 de Set 2017.

Leia mais 

Centro Administrativo é alvo de tiros em noite com 14 ataques em SC

Atribuição de ataques em SC a organização criminosa de SP ainda é frágil

Velório de PM morto em Camboriú reúne ex-colegas de farda

PM de Florianópolis reforça barreiras e rondas nesta quinta

Viatura da Polícia Militar é incendiada em Criciúma, no Sul do Estado

Incêndio destrói quatro casas na comunidade Frei Damião, em Palhoça

Policial militar de Camboriú foi o 4º agente morto em agosto no Estado


Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaComplexo Portuário de Itajaí é destaque em ranking mundial de movimentação de contêineres https://t.co/3Pq2uDnzhW #LeiaNoSantahá 2 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaReunião da CCJ da Assembleia Legislativa debate polêmico empréstimo da Celesc https://t.co/fLbGm6hxE5 #LeiaNoSantahá 3 horas Retweet

Veja também

Jornal de Santa Catarina
Busca
clicRBS
Nova busca - outros