Três pessoas são presas por homicídio na Itoupava Central em Blumenau - Segurança - Jornal de Santa Catarina

Versão mobile

 

Polícia12/01/2018 | 11h35Atualizada em 12/01/2018 | 11h35

Três pessoas são presas por homicídio na Itoupava Central em Blumenau

Eles teriam assumido crime que ocorreu no dia 23 de dezembro

Jornal de Santa Catarina
Jornal de Santa Catarina

A Polícia Civil de Blumenau prendeu três homens suspeitos pelo último assassinato registrado na cidade em 2017. A vítima foi Pedro Paulo Sassemann, de 49 anos, que foi encontrado morto no dia 23 de dezembro em um matagal na Rua Erich Meyer, no bairro Itoupava Central. Ele foi identificado pelo IGP somente nesta quarta-feira, o que auxiliou na conclusão da investigação.

Segundo o delegado responsável pela Divisão de Investigação Criminal (DIC), Bruno Effori, policiais foram até os últimos lugares onde pessoas haviam visto a vítima. Em uma casa perto do ponto onde o corpo foi encontrado, os agentes abordaram três homens de 24, 22 e 19 anos. Na residência localizaram uma pistola calibre nove milímetros, munição, comunicadores, celulares e maconha. Eles foram autuados em flagrante por posse ilegal de arma de fogo e foram interrogados pela suspeita do homicídio.

Em depoimentos, segundo Effori, os três admitiram que questionaram Sassemann sobre um possível furto cometido por ele contra a mãe de um dos rapazes. A vítima teria confessado o crime e, então, foi executada com disparos de arma de fogo pelo filho da mulher furtada.

Os três homens detidos têm passagens policiais por roubo e foram encaminhados ao Presídio Regional de Blumenau.

::: Leia mais notícias de Blumenau
:::  Recorde de homicídios acende alerta para a segurança em Blumenau

 

Siga Santa no Twitter

  • santacombr

    santacombr

    SantaRestaurante contrata cozinheiros para a Oktoberfest com salário de R$ 2 mil https://t.co/Cu3ER6j1Sa #LeiaNoSantahá 8 horas Retweet
  • santacombr

    santacombr

    SantaCorrida altera trânsito no entorno do Ginásio Galegão neste domingo https://t.co/XCD7bRBpVq #LeiaNoSantahá 10 horas Retweet

Veja também

Jornal de Santa Catarina
Busca